Trio agride pessoas durante assalto e leva R$ 1,5 mil em São José de Piranhas



Um assalto a mão armada ocorrido por volta das 23h30 deste sábado (30), em São José de Piranhas, rendeu cerca de R$ 1.500 para os assaltantes. O caso foi registrado em uma passagem molhada na saída da cidade para o distrito de Piranhas Velha. Até o momento, ninguém foi detido.


Segundo informações do sargento F Nunes, uma das vítimas foi a estudante Jamila Lima Rozeno, 23 anos. Ela foi a primeira a ser abordada, mas no momento passava outra pessoa de moto e ela conseguiu fugir da ação dos bandidos em um carro que voltava de uma festa (forró) no sítio Enjeitado. Quando o automóvel saiu do local ainda foi alvejado com dois disparos de arma de fogo.


A polícia foi chamada e ao chegar ao local encontrou o pedreiro Deilton Oliveira Saraiva, 40 anos, que era socorrido por um popular após ter sofrido uma pancada na cabeça, possivelmente provocada por uma coronhada. Devido ser uma lesão profunda, ele precisou ser levado para o hospital regional de Cajazeiras.


Ainda de acordo com o Boletim de Ocorrência, Deilton disse para uma das enfermeiras que o assalto foi realizado por três pessoas, entre elas uma mulher. Além do dinheiro, o trio também levou documentos, cartões de créditos e um aparelho celular.


No local, estava bastante escuro, o que dificultou o trabalho da polícia. A ocorrência foi encaminhada para a Delegacia de Polícia Civil da cidade.



Radar Sertanejo

Postagem Recente