Seca castiga região nordeste e ministro da integração nacional garante entregar obra da transposição


Essas imagens define o retrato da seca na região nordeste do país. A mais longa estiagem dos últimos 30 anos, que mudou radicalmente as paisagens do sertão nordestino. O verde da vegetação ganhou tons de cinza no alto da serra. Atingindo a vida de muitos agricultores que vivem do que plantam. Esse ano, as plantações secaram ao ponto de desanimar o homem do campo. Por falta de chuva para abastecer os reservatórios, o gado está morrendo de sede e de fome, por falta de pastos. Nesta fazenda o rebanho se alimenta com o que restou de uma plantação, sem capim para pastagem, o gado procura comida aonde não existe.


A seca é uma realidade que faz parte da região nordeste, o problema é que nos últimos anos não tem chovido o suficiente. Na cidade de São José de Piranhas no interior do estado da Paraíba, o solo rachou, e o principal reservatório que abastece a cidade praticamente secou, o pouco de água que resta é do volume morto que esta com os dias contados para secar. A qualquer momento a cidade pode ficar sem água, e as medida de emergências ainda estão devagar. A questão da seca não se resume apenas a falta de água , faltam soluções para resolver o problema na cidade. Medidas concretas são necessárias para que o drama da seca não continue.


Para ver de perto o andamento da obra, a equipe do portal Jatobanet foi ate o Eixo Norte, onde fica a estrutura responsável por conduzir as águas do velho Chico entre os estados da Paraíba e Ceará. O túnel Cuncas 1 é considerado o maior túnel da América Latina,que tem 15 quilômetros de extensão e nove metros de altura e largura. A execução da obra segue,passando pelos municípios de Mauriti e o Barro no Ceará, E Monte Horebe e São José de Piranhas na Paraíba,fazendo chegar água a população em breve.Segundo informações do Ministério da Integração Nacional.


Em Junho desde ano, o Ministro da Integração Nacional, Helder Barbalho, esteve visitando as obras e afirmou que serão concluídas ainda esse ano.


A situação é bem preocupante porque a população da cidade de São José de Piranhas,pode enfrentar a seca ate o final do ano. Em algumas cidades na Paraíba a seca já castiga,como é o caso do município de Monte Horebe, que vem sendo abastecido por caminhões pipas,entre outras cidades.


Estamos no segundo semestre do ano, e já não costuma mais chover nesse período. O que resta no olhar sertanejo é a fé e a esperança que em breve as chuvas voltem a cair e que a vida volte a nascer.



Por Áliston Felipe




Fotos: Jatobanet.com.br (Ramiro Ferreira)

Postagem Recente

Contatos:

(83) 9 9113 4151

(83) 9 9612 6828

 

 

Jatobanet.com.br - Cobertura de Eventos

2020 © Todos os direitos reservados.