IBGE divulga terceiro edital com 2.658 novas vagas


O IBGE divulgou por meio do Diário Oficial da União de 25 de setembro o esperado edital de normas do novo processo seletivo simplificado que visa selecionar candidatos para contratação temporária de pessoal na realização do Censo Demográfico de 2020. Este é o terceiro edital divulgado pelo IBGE em 2019, que vai promover ainda outras seleções para contratar até 235 mil pessoas para realização do Censo.


Desta vez, são 2.658 novas vagas abertas, sendo 1.343 no cargo de Coordenador Censitário Subárea (CCS), que exige ensino médio completo e carteira nacional de habilitação na categoria “B”; e 1.315 vagas para a função de Agente Censitário Operacional (ACO) com exigência apenas de ensino médio completo.


O salário será de R$ 1.700,00 para Agente Censitário Operacional e de R$ 3.100,00 para o cargo de Coordenador Censitário de Subárea.


A previsão de duração dos contratos é de até 12 meses, podendo ser renovado com base nas necessidades de conclusão das atividades do Censo de 2020 e na disponibilidade de recursos orçamentários.



Inscrição IBGE

As inscrições na nova seleção devem ser realizadas a partir das 10h do dia 25 de setembro até as 16h do dia 15 de outubro de 2019, somente pela internet, por meio do endereço eletrônico www.fgv.br/fgvprojetos/. O valor da taxa de inscrição será de R$ 42,50 para Agente Censitário e de R$ 58,00 para Coordenador.


As informações sobre as provas, como número de questões, data e locais de aplicação serão divulgadas no decorrer do dia, assim que a FGV divulgar o edital completo do concurso.




Atribuições dos cargos


Agente Censitário Operacional: Assistir na realização do trabalho administrativo e de informática na Unidade em que estiver lotado, por meio da organização, produção e controle de documentos, processos, procedimentos, dados e informações; executar atividades administrativas nas áreas de recursos humanos, materiais, patrimoniais, orçamentários, financeiros e de disseminação de informações; recepcionar e atender aos colaboradores do IBGE e ao público em geral, pessoalmente ou por telefone; utilizar máquina copiadora, preparar relatórios, ofícios, memorandos, confeccionar planilhas eletrônicas e inserir e/ou transmitir dados em sistemas informatizados e em dispositivos eletrônicos; efetuar trabalhos de digitalização e transcrição de documentos diversos, operando equipamentos apropriados e baseando-se em especificações técnicas; preencher os termos de abertura e encerramento e, quando necessário, o termo de alteração dos documentos digitalizados; obedecer às normas segurança; auxiliar a Coordenação Estadual de Informática no controle das chamadas da Central de Atendimento e no preparo, instalação e configuração de equipamentos de informática, pontos de rede (dados e voz) hardwares e softwares; analisar relatórios de produção dos sistemas utilizados; dirigir veículo próprio do IBGE ou locado pela Instituição, quando necessário para a realização de suas atribuições, uma vez que possua habilitação; entre outras.


Coordenador Censitário Subárea: responder por questões técnicas, administrativas e operacionais, conforme orientações institucionais e de seu superior do quadro de pessoal efetivo do IBGE; acompanhar os trabalhos das equipes das coordenações nacionais e estaduais de supervisão e implementar as orientações recebidas; adotar as providências relativas à contratação, prorrogação de contratos e desligamento das funções de Agente Censitário Municipal, Agente Censitário Supervisor e Recenseador e realizar avaliações mensais dos contratados, dentro dos prazos fixados; observar rigorosamente as normas administrativas, as orientações técnicas e os prazos estabelecidos; coordenar e responder por atividades técnicas, administrativas e operacionais, conforme orientações de seu superior, buscando assegurar a plena cobertura territorial e qualidade dos dados coletados nos prazos definidos; realizar a previsão, programação, solicitação e a execução de recursos orçamentários e financeiros, controlar e comprovar sua aplicação de acordo com as normas e prazos estabelecidos; elaborar relatórios técnicos e administrativos visando atender ao acompanhamento das atividades sob sua responsabilidade; manter-se atualizado sobre todas as instruções e conceitos contidos nos manuais técnicos e operacionais e aplicá-los corretamente; providenciar a instalação dos Postos de Coleta junto aos municípios jurisdicionados à Subárea, buscando sempre parcerias com as entidades público-privadas existentes nos municípios, com toda a infraestrutura necessária para o funcionamento do posto de coleta; manter estreita comunicação com as coordenações censitárias estaduais; entre outras.



Mais vagas

A seleção mais esperada é a que ofertará 196 mil vagas para Recenseador (cargo temporário que exige nível fundamental). Ainda, o IBGE preencherá cargos temporários de Supervisor (Call Center), Agente Censitário Municipal, Agente Censitário Supervisor, Codificador Censitário e Supervisor PA. Confira o quadro previsto de seleções até o início de 2020:


Polemica Paraiba

Leia mais notícias acessando o portal www.jatobanet.com.br, siga nossa página no Facebook, inscreva-se no nosso canal e veja nossos vídeos no Youtube

Postagem Recente

Contatos:

(83) 9 9113 4151

(83) 9 9612 6828

 

 

Jatobanet.com.br - Cobertura de Eventos

2020 © Todos os direitos reservados.