top of page

IR 2023: Programa Meu Imposto de Renda será liberado hoje




A Receita Federal liberará nesta quinta-feira, 9, o download do programa para declarar o Imposto de Renda Pessoa Física 2023. O prazo para transmissão dos dados para a prestação de contas ao Fisco, porém, começa no dia 15 de março e vai até 31 de maio.

A antecipação do download tem como objetivo evitar possíveis congestinamentos no site com o início do prazo para a entrega da documentação. É possível baixar o programa, que está disponível tanto para IOS e Android, quanto para computadores.


Como usar o programa do IR? Para usar o app Meu Imposto de Renda é necessário baixar a versão compatível com seu aparelho celular ou computador – Android, iOS, Windowns, Linux ou MacOS. Para ter acesso, informe o seu CPF e data de nascimento.

Uma lista com as declarações dos últimos cinco anos e a situação de cada uma aparecerá na tela. O IRPF do ano-base 2022 aparecerá como “não iniciada”.


Como declarar o IR? Para iniciar a declaração no programa, toque no ícone “+” no canto inferior direito do bloco “2022”. Aparecerá duas opções: “Iniciar com a declaração do ano anterior” e “Iniciar declaração”, caso não queira usar as informações do ano anterior.


Caso você tenha a declaração do ano anterior guardada, é possível enviar o arquivo do IR para o programa pela primeira opção.

No menu principal do aplicativo, selecione o item “Identificação”. Nele, preencha com os seus dados pessoais e contato: título de eleitor, NIT/PIS ou Pasep, CEP, e-mail e telefone.


Para incluir dependentes, e preciso ir no menu e selecionar “Familiares”. Insira o CPF, nome completo, data de nascimento e NIT, PIS ou PASEP de cada pessoa que for acrescentada à Dirf.


Rendimentos Na opção “Rendimentos” do menu principal do aplicativo, é preciso informar o salário, poupança, aplicações financeiras e participações em lucros que tiver.

Após preencher cada um dos rendimentos, toque no botão “salvar” no canto inferior da tela. É possível editar, incluir e apagar itens.


Pagamentos Na opção “Pagamentos” é possível colocar suas despesas médicas, mensalidades escolares, contratação de advogados, etc. É preciso ter o nome e o CPF dos profissionais contratados e o valor pago a eles. Além disso, indique quem usou o serviço, se foi o declarante ou um dependente.


Bens e dívidas

Na opção “Bens e Dívidas” do menu principal, informe suas contas bancárias, cadernetas de poupança, veículos e imóveis no seu nome. Para dívidas, você deve informar dados do credor, o valor da pendência e o que foi pago no ano anterior.

Assim como na aba dos rendimentos tributáveis, é possível incluir, editar e excluir itens nesta seção.


Como entregar a declaração Após preencher todas as seções, volte ao menu principal e clique em “Resumo”. Assim, o programa te mostrará todas as informações sobre o total de rendimentos tributáveis e alíquotas.

Ao fim da lista, você encontrará o botão “Entregar declaração”. Mas lembre-se de revisar os dados que você informou no aplicativo para evitar qualquer complicação.

Ao entregar, você terá a opção de imprimir ou salvar em PDF.


Prazo para a DIRF O prazo para entregar a declaração do Imposto de Renda deste ano é de 15 de março a 31 de maio ― até 2019 as declarações eram entregues até o último dia de abril.

Assim como no ano passado, a Receita Federal vai pagar a restituição do Imposto de Renda 2023 em cinco lotes, entre 31 de maio e 29 de setembro.



Terra

Comments


Postagem Recente
bottom of page